O trauma de ser mulher depois dos 30




Depois dos trinta não podemos sentir-nos afrontadas, que estamos grávidas. Não podemos ter uma quebra de tensão e desmaiar, que estamos grávidas. Muito menos temos o direito de engordar uns quilos que, adivinhem só, estamos grávidas. Não podemos usar saias ou vestidos de balão, que estamos grávidas. Basicamente não podemos dar uma bufa, que estamos grávidas.
Se mostramos algum carinho por uma criança, é o relógio biológico a fazer das suas e a coisa nunca tem fim. P*ta que pariu!
Mas as mulheres têm algum rótulo a dizer parideira? Que é que se passa com as pessoas? Não somos todos livres de viver a nossa vida como bem entendermos?
Agora imaginemos que a pessoa em questão engordou porque tem alguma doença e além de estar debilitada fisicamente, a sua auto estima também anda pelas ruas da amargura ou até está a tentar engravidar e não consegue.... fazem ideia do que podem fazer a essa pessoa com um comentário desses? Já vi gente suicidar-se por muito menos ( salvo seja ). Não será o meu caso certamente, nunca irei fazer isso e fica já aqui o aviso que, se eu morrer sob circunstâncias pouco claras e que pareça um suicídio, não é, eu fui assassinada, investiguem.
De qualquer modo, o que acho mesmo surreal é a falta de educação e de tacto. Eu por exemplo, não ando pela rua a olhar para as barrigas das senhoras e a pensar: Epah tem ali uma saliência, será gordura ou está grávida? Já sei, vou perguntar! Não percebo a lata de fazerem perguntas tão íntimas. A sério, vocês não têm nada a ver com isso e acreditem, quando eu estiver grávida, vocês vão perceber sem terem de perguntar. Agora calem-se por favor e metam-se na vossa vida.


Share this:

ABOUT THE AUTHOR

Hello We are OddThemes, Our name came from the fact that we are UNIQUE. We specialize in designing premium looking fully customizable highly responsive blogger templates. We at OddThemes do carry a philosophy that: Nothing Is Impossible

12 comentários:

  1. hahahahh ri tanto, e não é que é verdade, e no meu caso parece que sou obrigada a ter outro, o meu maior pecado!!! filhos únicos são tristes e kés... opá chamam-me o que quiserem , eu quero é sossego e sinto-me tão bem assim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fico feliz por saber que não sou a única a sofrer deste flagelo :D

      Eliminar
  2. Ahahahaha ... se por cada pergunta, eu recebesse um 1€, a esta hora já tinha um jacto privado e um bom pé-de-meia para comprar uma ilha só minha! ;)

    ResponderEliminar
  3. A mim já desistiram de me chatear! :)

    ResponderEliminar
  4. Olha...fizeste este post, estás grávida? AHAHAH! =P

    Bom fim-de-semana.

    http://agatadesaltosaltos.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Ah mas deixa passar os 35 .. ai todos te dizem que estás aqui estás a passar o prazo de validade, caso não tenhas tido filhos :O

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, já estou nesse patamar sim.... Já ouvi isso :)

      Eliminar
  6. Para quando uma lei que proibi-se a pergunta mais incomoda do mundo "então para quando um bebe"...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não deveria ser necessário se as pessoas fossem educados e se metessem na sua vida ;)

      Eliminar