Friccionar a moeda na máquina de tabaco ajuda?




Existe um fenómeno algo estranho que se pode observar junto às máquinas de tabaco: rastos de fricções junto à ranhura das moedas. Muitas pessoas acreditam que ajuda esfregar a moeda na máquina antes de a introduzir na ranhura.
Não há qualquer explicação de que a moeda friccionada seja aceite pela máquina e assim foi feito um teste prático com cem moedas usadas. Primeiro, as moedas foram introduzidas sem serem friccionadas: de cem moedas, quatro não foram aceites pela máquina. Essas moedas voltaram a ser introduzidas, mas foram friccionadas antes: de cem, houve até cinco que voltaram a sair.
Friccionar ou não as moedas, tanto faz!
Se uma moeda é ou não aceite, depende do material e do diâmetro da mesma.
Através de um sistema de bobinas, é produzido na máquina um campo magnético. Uma vez que uma moeda é constituída por metal, ela altera esse mesmo campo durante o seu trajecto. Com esta alteração, o material introduzido pode ser determinado. A cada moeda introduzida, a máquina transmite ao todo nove valores de medida a um computador: os oito valores das bobinas, que verificam a moeda por via electromagnética e o diâmetro da própria. O testador da moeda não distingue entre friccionada e não friccionada, se a moeda se encontrar em bom estado e não for falsa, ela é aceite. Pode acontecer a moeda voltar a sair, porque o testador tem uma regulação muito sensível que, de vez em quando, rejeita uma moeda verdadeira. A moeda torna a sair e é imediatamente accionado em nós o reflexo de a friccionar e ao tornar a introduzi-la, ela é logo aceite!
Podíamos ter atirado a moeda ao ar antes de a voltar a colocar na ranhura e aí passaríamos a atirar sempre a moeda ao ar...
Friccionada ou não, atirada ao ar ou não, na maioria dos casos, a máquina automática aceita a moeda à segunda ou terceira tentativa.
Não sejam Inácios ;)


Share this:

ABOUT THE AUTHOR

Hello We are OddThemes, Our name came from the fact that we are UNIQUE. We specialize in designing premium looking fully customizable highly responsive blogger templates. We at OddThemes do carry a philosophy that: Nothing Is Impossible

5 comentários:

  1. Eu é mais máquinas de chocolates. E garanto-te, a malta que frequenta essas máquinas, não é dada a fricções! ;)

    ResponderEliminar
  2. se fosse só na maquina de tabaco há uma serie de coisas que todos ou quase fazemos e que parecem que resulta, rodar os isqueiros e abanar , aquecer as pontas das canetas com o hálito para escreverem, acho que as pessoas são muito dadas a essas coisas, a minha mãe é a rainha das mezinhas para dar certo! se eu te contasse........

    ResponderEliminar
  3. Eu prefiro ser Inácio e continuar a ver stre......eeerrrr......a friccionar moedas, mas não na máquina do tabaco :P

    ResponderEliminar