Inqualificável


Este fim de semana, na madrugada de sexta para sábado, aconteceu-me uma situação que considero inqualificável!
Fui a casa da mãe de uma amiga que fica umas ruas à frente da minha casa. É perto, mas longe para ir a pé de noite, então fui de carro. Estacionei o carro em frente ao portão da casa, não ia demorar. Como a casa fica numa curva, com estrada de paralelos, onde acontecem vários acidentes, deixei o carro com os quatro piscas ligados. Quando estava para me vir embora, o carro não ligou. Ficou sem bateria. Para melhorar as coisas, o meu telemóvel também ficou sem bateria. Cabos também não havia.... enfim, quando se está mal, pode sempre piorar.
Já era tarde, estava cansada, precisava de ir descansar. Optei por deixar lá o carro, empurrá-lo o máximo para a berma possível e na manhã seguinte, com a cabeça fresca, tratar de chamar o mecânico para me resolver o problema.
Foi a pior decisão que tomei!
Na manhã seguinte, levantei-me cedo e o meu marido levou-me até ao meu carro. Quando chegámos lá, fiquei em estado de choque com o que vi. Foi um misto de sentimentos: choque, desilusão, revolta. Comecei a chorar. Tinham-me vandalizado o carro.


Não foi um assalto, não foi um acidente e a pessoa fugiu, não. Foi alguém que decidiu sair de casa com o intuito de destruir carros por onde passava. E isso é pior do que qualquer outra situação. Pelo menos para o meu entendimento. Não tem um objectivo a não ser o de praticar o mal, gratuitamente.
Enquanto ligo para a policia e para o mecânico, só penso: que pessoas são estas? Que sociedade é esta? Que mundo é este? Porquê?
No desenrolar da manhã, só ouço coisas que não quero ouvir e fico com a certeza que, quem fez isto, vai sair impune e eu vou arcar com a despesa, nada barata, da atitude de uma cambada de arruaceiros mal formados e tristes.
Nestas situações, para que nos servem as autoridades? Para nada. Fui logo avisada que nem valia a pena apresentar queixa, porque não ia dar em nada. Ninguém viu, ninguém sabe quem foi.
Se calhar vejo demasiado CSI, mas acredito que se se esforçassem, já sabiam quem era, pois não é a primeira vez que isto acontece aqui nas redondezas. O paralelo estava dentro do carro, certamente quem o atirou não pensou em usar luvas, logo, no mínimo, deve ter impressões digitais.


Quando temos autoridades que são reféns dos meios e de uma mentalidade bacoca, que quando fazem o seu trabalho são enxovalhadas, presas e ainda têm de pagar indemnizações, é isto que acontece. Pessoas de pouca índole sentem-se seguras em cometer qualquer delito, pois têm a certeza que irão sair impunes dos seus crimes, pois ninguém está para se chatear com isso.  Mais não seja, que o seu castigo fosse reduzido em horas de voluntariado a limpar matas. Se toda a gente decide fazer o que lhe dá na veneta, sem leis nem regras, onde é que isto vai parar?
A coisa boa que retirei desta falta de sorte foi que, felizmente, tenho muitas pessoas que estão solidárias comigo e que se preocupam com o meu bem estar. Amigos que se disponibilizaram a ajudar. Houve até um que se ofereceu para emprestar o carro dele, enquanto o meu está a arranjar. A todos vocês, obrigada por existirem e estarem na minha vida. Foi importante para mim saber que, por muito que esteja a passar por uma fase menos boa, tenho pessoas, como se diz em americano, que "have my back". Ou seja, que estão presentes para me apoiar e aquecer o coração.
Há lá maior riqueza que essa? Maior bem?

Conselho: se passarem por algo semelhante, não deixem para amanhã, tratem do assunto na hora. Liguem para a assistência em viagem, não deixem os vossos bens à mercê de quem não tem valores.

Share this:

ABOUT THE AUTHOR

Hello We are OddThemes, Our name came from the fact that we are UNIQUE. We specialize in designing premium looking fully customizable highly responsive blogger templates. We at OddThemes do carry a philosophy that: Nothing Is Impossible

6 comentários:

  1. Omg!!!! Que mau!! Se calhar tentaram levar-te o carro e como não pegou partiram tudo!! Omg nem acredito :/ que mau


    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
  2. Eu nem sei o que diga. Provavelmente são pessoas que invejam os bens dos outros mas nunca trabalharam para ter o mesmo e depois há destas coisas que nem há palavras, tanta maldade neste mundo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Certamente não serão pessoas que estão de bem com a vida. Gente feliz não faz isto. Temos de ter paciência, nem tudo depende do nosso controlo.

      Eliminar
  3. Só te safas se tiveres seguro de Danos Próprios e a cobertura de Actos d3 Vandalismo. Porque queixa à polícia não dá mm em nada.

    ResponderEliminar